Nas Notícias

Pólenes em níveis muito elevados nos próximos sete dias em Portugal continental

Portugal continental vai registar nos próximos sete dias concentrações de pólenes muito elevadas, sobretudo nas regiões do Centro e Sul do país, segundo a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC).

De acordo com o boletim polínico da SPAIC, entre hoje e o dia 05 de julho, em Lisboa (região de Lisboa e Setúbal) os pólenes estão em níveis muito elevados, com predomínio dos pólenes das ervas gramíneas e parietária, o mesmo acontecendo no Algarve, em Portimão, sobretudo o pólen das ervas gramíneas e da árvore oliveira.

O boletim da SPAIC indica que estão previstos níveis moderados de pólen atmosférico para as regiões do Norte e Centro Norte Litoral.

No Porto (região de Entre Douro e Minho), os níveis de concentração são moderados, com predomínio dos pólenes das ervas gramíneas e parietária e da árvore castanheiro.

Já em Coimbra (região da Beira Litoral), os pólenes apresentam níveis moderados, com predomínio dos das ervas gramíneas e parietária, seguidos pelos pólenes da árvore castanheiro.

Mais para o interior, em Castelo Branco (região da Beira Interior), os pólenes encontram-se em níveis muito elevados e na atmosfera predomina o pólen das ervas gramíneas, seguido pelo da árvore castanheiro.

Nas ilhas, a SPAIC refere que em Ponta Delgada (Açores) os pólenes estão em níveis moderados, com predomínio das ervas gramíneas, parietária e tanchagem e das árvores palmeiras, e no Funchal (região autónoma da Madeira) os níveis de concentração são baixos, com destaque para os pólenes das ervas gramíneas e parietária.

Mais partilhadas da semana

Subir