Mundo

Neste restaurante é proibido usar o telemóvel à mesa

O restaurante Petit Jardin, em Saint-Guilhem-le-Désert, no sul de França, é o mais recente caso de proibição do uso de telemóveis. O objetivo é incentivar ao convívio, promover a conversa e os valores tradicionais franceses à mesa.

Esta é já uma tendência que começa a ganhar seguidores: a proibição de uso de telemóveis em restaurantes, de forma a usufruir ao máximo da refeição e de uma boa conversa, sem a preocupação de estar ‘online’ ou partilhar esse momento nas redes sociais.

No Petit Jardin a informação surge logo à entrada, para não deixar dúvidas aos clientes. O restaurante tem um sistema de “controlo” como se de um jogo de futebol se tratasse. Há um funcionário responsável pela fiscalização das meses, que, assim que vê um cliente a usar o telemóvel, apita na sua direção e mostra-lhe um cartão ao amarelo. Se o aviso for ignorado, o cliente recebe um cartão vermelho e, como no futebol, é convidado a abandonar o restaurante.

“Se as pessoas aceitam desligar o telemóvel no cinema e no teatro, por que não nos restaurantes?”, questiona o dono do restaurante, Hean-Noel Fluery, em declarações ao The Local, citado pelo Sapo Viagens.

Segundo Hean-Noel, esta medida é mais difícil de aceitar pelas gerações mais novas, o que gera comentários menos simpáticos sobre o restaurante.

Além da restrição do uso de telemóveis, o Petit Jardin não serve ketchup nem coca-cola, já que pretende acima de tudo promover produtos locais e regionais.

A proibição do uso de telemóvel às refeições começou em 2014, também em França, no restaurante Grenouillère, estrela Michelin.

Mais partilhadas da semana

Subir