Mudar a perspectiva de acção

paz mundial

A Paz Mundial só será conquistada quando, dentro de um leque de comportamentos acertivos, agirmos também com a sabedoria de que não é com provocações de qualquer natureza que contribuímos para a pacificidade.

Como sabemos tudo se encontra num processo evolutivo, actualmente a tecnologia supera a quantidade de Amor vibrante no coração dos Homens, é urgente equilibrar estas duas condições para que este planeta se torne uma casa repleta de Alegria contagiante a todos os Seres que nele habitam.

A consciência de que não nos encontramos todos no mesmo patamar de compreensão é fundamental para aceitarmos ou começarmos a perceber o porquê de existirem situações como o último atentado terrorista em França.

Sim, todos queremos ser Livres e devemos conquistar esse direito, mas nunca lá chegaremos com comportamentos de crítica, revolta, provocatórios…. E por ai fora. O fanatismo religioso é das maiores armas com que podemos travar uma ferverosa batalha e arriscando sair dela como vitimas. Todos defendemos a nossa crença, seja ela qual for, todos temos as nossas razões para protestar quando invadem a nossa liberdade, felicidade, a nossa vida, a vida da nossa família…. Governos Poderosos que limitam a vida decente e digna que todo o ser humano tem direito a ter, sim devemos reclamar apresentando o nosso descontentamento, a nossa realidade… Mas quando temos a coragem de enfrentar grupos de pessoas que entregam a sua vida em prol do Deus criado à imagem de si próprios de forma a levarem o seu grande Ego a sair vitorioso, devemos ser cautelosos. Com isto não significa fugirmos com medo e deixarmos que ganhem a batalha mas sim criarmos condições dentro de nós que nos levem a eles com acções que contribuam para prosperar a verdade do Amor. O respeito, a compaixão, a preservação, a lealdade, a humildade… Todas as religiões focam estes pontos, que por vezes são completamente distorcidos devido ao Ego humano…. Só temos que ter a fé e a esperança de que podemos tocá-los se agirmos com flores no coração e não com “armas”. Muitos dirão agora que não é possível lidar desta forma com este tipo de pessoas… Mas vos digo que na minha opinião e nas várias introspecções que faço para perceber como podemos ajudar a transmitir a Paz a todo o planeta só vejo uma opção, irradiar o Amor dos nossos corações, sem lugar a raiva, ódios, orgulho, críticas, inveja, manipulações, fanatismos….

“A nossa liberdade termina quando invadimos a liberdade dos outros…” Não será bem assim quando percebermos que todos podemos ser livres, Sempre, quando agimos com direito a essa liberdade, não interferindo negativamente com nada nem ninguém…. Para atingirmos e sermos capazes desta divina condição temos que já hoje começar a nossa purificação interior… De forma que possamos, com cada vez mais nitidez, identificar qualitativamente os nossos comportamentos e mudarmos a perspectiva de acção…

{loadposition inline}Oremos por todas as Almas vítimas do terrorismo por todo o Planeta… Que a Paz floresça para a Eternidade…


Patrocinado

Apps PT Jornal

Descarregar na App StoreDescarregar do Google Play

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir
error: