Mundo

Viúva de mergulhador deixa mensagem comovente às crianças

A mulher do mergulhador tailandês que perdeu a vida durante o resgate das 12 crianças e do seu treinador, que ficaram presos numa gruta, partilhou uma mensagem com palavras de amor para os rapazes. “Não se culpem”, pede a viúva numa homenagem feita ao marido.

Valeepoan Kunan partilhou várias fotos do seu Saman Kunan.

O mergulhador de elite tinha 38 anos e chegou a fazer parte dos Navy Seals tailandeses (uma força militar treinada para operar em cenários de terra, ar e água).

“Sinto a tua falta. Vou amar-te como és do fundo do coração. De agora em diante quando acordar… quem vou beijar?”, escreveu.

Numa altura em que o mundo culpa o treinador por ter levado as crianças para a gruta, a esposa do mergulhador que morreu deixa um recado.

“Quero dizer aos rapazes, por favor não se culpem”, pediu aos sobreviventes que recuperam no hospital.

A viúva tem partilhado várias fotos a recordar o marido:

Os rapazes recuperam no hospital e mostram-se sorridentes:

Veja:



Mais partilhadas da semana

Subir