Mundo

Vítimas do acidente na Suíça identificadas e primeiros corpos repatriados hoje

acidente_suica_1Todas as vítimas do acidente de autocarro no túnel da Suíça foram identificadas, segundo adianta a polícia, sendo que o processo de repatriamento já está a decorrer. Os primeiros corpos das 22 crianças e adultos começaram a chegar à Bélgica na manhã desta sexta-feira.

As primeiras vítimas do acidente de um autocarro num túnel da Suíça já foram repatriadas, depois de concluído o processo de identificação dos 28 mortos: 21 belgas e sete alemães, sendo que 22 são crianças. Os corpos partiram na manhã de hoje do aeroporto militar de Sion, local onde foi prestada uma homenagem.

No dia em que a Bélgica cumpre um dia de luto nacional, em memória das vítimas deste acidente, começaram a chegar os primeiros corpos. Entretanto, familiares das vítimas manifestaram repúdio pelo facto de alguns jornais recorrerem ao Facebook para recolherem imagens das vítimas. Essas imagens foram publicadas em alguns órgãos de comunicação.

Do acidente resultaram 28 vítimas mortais, entre as quais 22 crianças e os dois motoristas. Os menores regressavam a casa, na Bélgica, depois de umas miniférias na neve da Suíça, quando se deu o acidente de autocarro, num túnel.

A causa do acidente permanece por apurar, mas há jornais que citam testemunhas que relatam que o motorista estaria a trocar um DVD, distração que motivou a perda do controlo do autocarro. A polícia diz que são notícias “especulativas”.

Em destaque

Subir