Motores

Virgin Racing com propulsores Audi na Fórmula E

A Virgin Racing, associada há várias temporadas à marca DS – do ‘universo’ Peugeot Citroën – na Fórmula E, vai passar a utilizar propulsores Audi na quinta temporada da disciplina.

Numa época da competição de monolugares elétricos que vai ser marcada pela estreia do chassis Gen 2, a Virgin Rcing vai utilizar o e-tron FE05 desenvolvido pela marca dos quatro anéis em Neuburg, a mesma transmissão que é adotada pelo Audi Schaeffler MGU03.

A aposta no propulsor que valeu o título de equipas à Audi Sport ABT Schaeffler foi o resultado de um acordo em que as duas formações vão trocar informações durante a próxima temporada, fazendo com que a marca dos quatro anéis possa recolher dados técnicos recolhidos por quatro monolugares, podendo assim acelerar o desenvolvimento. O Gen2 da Audi fará a sua estreia em Riade, na Arábia Saudita, a 15 de dezembro.

Para Sylvain Filippi, diretor da Virgin Racing, “a equipa sempre teve a intenção de se associar com um construtor, já que os principais domínios da atividad da Virgin não implicam a produção de carros. Com a Audi Sport e a vontade do nosso proprietário maioritário, a Envision, achamos que se trata de uma parceria perfeita para continuar-nos a bater-nos por posições cimeiras”.

Quando aos pilotos que a Virgin Racing vai ter na temporada 2018/2019 da Fórmula E será preciso aguardar para a apresentação oficial da equipa, programada para 5 de outubro.

Mais partilhadas da semana

Subir