TV

Vídeo: “Vai, chuta daí, caralho”. E Éder chutou

Já vivemos o golo de Éder em direto, já vimos repetições e perspetivas contrárias, em câmara lenta, desde as trocas de bola de Moutinho, até ao remate final. Vimos tudo. Vemos agora o vídeo mais genuíno, feito por um adepto, na bancada onde a claque portuguesa estava instalada.

Temos vivido dias de Português vernáculo. Desde o “se perdemos que se foda” de Cristiano Ronaldo, ao “é feriado hoje, caralho” gritado por Éder. Nas celebrações, as palavras agigantaram-se, tal como os jogadores portugueses, e tornaram-se palavrões.

E há mais palavrões ditos e repetidos. Correndo o risco de ofender alguns leitores, não podemos deixar de escrever com rigor, deixando os asteriscos na gaveta.

“Vai, chuta daí, caralho”, gritou um adepto, da bancada do Stade de France, em Paris. Éder anuiu.

E o resto é o filme que se conhece: o avançado conduziu-nos ao Paraíso, ao… jardim do Eden, sem frutos proibidos.

Veja as imagens.

https://www.youtube.com/watch?v=zIMddg7GLeI

76Shares

Mais partilhadas da semana

Subir