Mundo

Vídeo: Polícia instala câmaras para captar roubos, mas ‘apanha’ generosidade

cego ajudado 400 A criminalidade no Brasil preocupa as autoridades locais. E para combater o fenómeno, a Secretaria de Defesa Social do Recife instalou há alguns meses câmaras de vigilância. A surpresa veio a seguir: a maioria dos registos mostra ações solidárias, de gentileza e honestidade.

Com a finalidade de combater a criminalidade, a Secretaria de Defesa Social do Recife, no Brasil, instalou há alguns meses 535 câmaras de videovigilância, para gravar roubos e acidentes, de modo a chamar os seus autores à justiça.

No entanto, as imagens registaram inúmeros gestos de gentileza, solidariedade e honestidade, de anónimos que mostram um coração enorme. Um pedestre que cai é amparado, os cegos não atravessam a estrada sozinhos, quem cai ao chão é levantado, mesmo por um adepto do clube rival.

O homem que bebeu de mais e adormeceu na via pública tem um anónimo a esconder-lhe a carteira, debaixo do corpo, para que não seja roubado.

O carro que avaria suscita o impulso solidário de uma dúzia de mãos que empurram. E o homem em cadeira de rodas que não consegue subir o passeio pode contar com outra mão amiga.

De madrugada, procuravam-se ladrões, mas encontram-se grupos de voluntários, que entregam pão e café aos sem-abrigo famintos.

Os furtos, roubos e acidentes também ocorrem, mas o que surpreendeu mesmo foi a dimensão humana do povo brasileiro.

Veja as imagens:

{liveleak}f1c_1390313286{/liveleak}

Mais partilhadas da semana

Subir