Desporto

Vídeo: Pedro Guerra diz, no Prolongamento, que Slimani recusou jogar em Paços

O comentador afeto ao Benfica disse, no Prolongamento da TVI24, que Slimani se recusou a viajar para Paços de Ferreira, onde o Sporting disputou a segunda ronda do campeonato. Nuno Saraiva, diretor de comunicação leonino, já desmentiu o episódio. Veja o vídeo.

Pedro Guerra voltou a disparar contra o Sporting, contando um episódio que terá ocorrido na partida do clube para Paços de Ferreira e que envolveu o argelino Islam Slimani.

“Se não fosse Octávio Machado, pela sua experiência, Slimani não tinha apanhado o autocarro e recusava-se a ir a jogo. Porquê? Porque o presidente Bruno de Carvalho combinou uma reunião com ele e não apareceu”, revelou o comentador benfiquista.

Segundo Pedro Guerra, “no balneário do Sporting reina neste momento uma grande tensão e perturbação”, por culpa du uma “azelhice” de quem dirige o clube.

Nuno Saraiva, diretor de comunicação do clube de Alvalade, já desmentiu este episódio e diz que Pedro Guerra mostra sinais de “desespero”.

“O desespero da comunicação do Benfica é uma evidência. Pedro Guerra, o ponta de lança do Damaiense contratado por Luís Filipe Vieira, especializou-se em atirar lama para cima dos seus adversários”, realça, num comunicado publicado no Facebook.

“A última intriga inventada por Guerra, para esconder a perda de dois pontos em casa frente ao Setúbal, reza que Slimani quis falhar o jogo com o Paços de Ferreira e, mais ainda, que no Sporting CP existe uma conspiração para afastar Octávio Machado”, prossegue.

Nuno Saraiva invoca a “defesa da honra” do Sporting, razão pela qual decide reagir àquela denúncia.

“Em nenhum momento esteve em causa a utilização de Slimani em Paços de Ferreira. Slimani é profissional de futebol, tem contrato até 2020 e em nenhum momento pôs em causa a sua relação contratual com a entidade patronal. Mais, nunca o Presidente do Sporting CP falhou uma reunião com quem quer fosse, ao contrário do que foi afirmado sob a forma de mentira por Pedro Guerra”, insiste o diretor de comunicação.

O responsável leonino termina com uma bicada ao Benfica.

“Ao contrário do que acontece noutros clubes, não tratamos mal ou desprezamos os nossos profissionais. E ontem ficámos a saber, pela boca de Taarabt, e isto são factos, que neste momento há oito atletas que valem milhões a treinarem sozinhos e proibidos de se aproximarem dos seus colegas como se tivessem peste. Mas isto não importa a Pedro Guerra, porque a sua missão é mentir e caluniar de forma desavergonhada com o objectivo de nos desestabilizar. Mas Guerra não passará!”.

Veja o vídeo com a parte do Prolongamento em que Pedro Guerra aborda o caso-Slimani que, segundo o Sporting, nunca existiu.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir