Cultura

Vídeo: Pedofilia num filme de Woody Allen provoca polémica

Vinte e cinco anos depois de ser acusado de pedofilia pela ex-mulher, Woody Allen volta a estar no cerne de uma polémica envolvendo sexo com menores. Em causa está uma cena do próximo filme, A Rainy Day in New York, que envolve um homem de meia idade e uma adolescente de 15 anos.

Como se não fosse suficiente o conturbado histórico de Woody Allen com Mia Farrow, a polémica surge na ressaca da queda do poderoso produtor Harvey Weinstein, em desgraça face às revelações de abusos por parte de várias mulheres.

As gravações de A Rainy Day in New York começaram há poucos dias e já se sabe que vão ser gravadas cenas de sexo entre o personagem principal, um homem de meia idade interpretado por Jude Law, e uma adolescente de 15 anos, representada por Elle Fanning (que tem 19 anos e ‘ar de menina’).

Quando despontou “toda esta coisa do Harvey Weinstein”, Woody Allen lamentou, numa entrevista à BBC, que se viva num “ambiente de caça às bruxas” em Hollywood. E parece que o polémico realizador de 81 anos é a nova vítima deste clima de suspeição.

O pior para Woody Allen é já ter um histórico de acusações de pedofilia. Há 25 anos, foi acusado pela ex-mulher, Mia Farrow, de ter abusado da filha. A própria Dylan Farrow afirmou, mais tarde, ter sido vítima dos avanços do pai quando tinha apenas 7 anos de idade.

Em 2014, já maior de idade, Dylan Farrow escreveu uma carta aberta a renovar as denúncias feitas em 1992 pela mãe, repetindo que Woody Allen tinha abusado dela quando tinha 7 anos (veja o vídeo). O realizador não foi acusado porque os exames não comprovaram qualquer abuso sobre a menina.

https://playbuffer.com/watch_video.php?v=R763R3Y19UHM

7Shares

Mais partilhadas da semana

Subir