Insólito

Vídeo: A maldição de Ramsey ataca de novo

A ‘Maldição de Ramsey’, como lhe chamam a nível mundial, voltou a acontecer agora com Chester Bennington, vocalista dos Linkin Park. Veja o vídeo…

Estas coincidências costumam acontecer com frequência, de tal modo que, macabramente, lhe chamam de “Maldição de Ramsey’. É que sempre que o jogador do Arsenal marca, alguém conhecido morre nos dias seguintes. Foi assim com Bin Laden, Steve Jobs, Whitney Houston, Robin Williams, David Bowie, Nancy Reagan, Muammar Kadafi, Paul Walker, Richard Attenborough, Alan Rickman e agora Chester Bennington.

Existe uma coincidência no caso de figuras conhecidas que morreram quando o médio do Arsenal marcou – dois dias depois, um dia depois ou no próprio dia.

Em maio de 2011, Osama Bin Laden é capturado e morto. Houve golo de Ramsey. Nesse mesmo ano, em outubro, morrem Steve Jobs e Muammar Kadafi. O médio do clube londrino também fez abanar as redes, nas vésperas.

Já em 2012, novo golo de Ramsey e o mundo chora a morte de Whitney Houston.

Em novembro de 2013, morre Paul Walker e em agosto de 2014 parte Robin Williams.

Em comum, o facto de no próprio dia, na véspera ou na antevéspera Aaron Ramsey ter apontado um golo.

Mais recentemente ocorre a maldição com David Bowie, que perde a vida a 10 de janeiro de 2016. Dois dias antes, Aaron Ramsey marcara diante do Sunderland.

E dois dias depois do médio marcar ao Everton, morreu o ator Roger Moore.

Agora, Ramsey, que já apelidou esta ‘maldição’ de “ridícula”, marcou um golo de grande penalidade frente ao Bayern de Munique, em jogo particular, na quarta-feira, um dia antes da morte do vocalista dos Linkin Park.

Esta teoria da conspiração, como também lhe chamam, continua a merecer atenção a nível global.

https://playbuffer.com/watch_video.php?v=H39GYBD4W117

22Shares

Mais partilhadas da semana

Subir