Nas Redes

Vídeo: “Fiquei em choque ao ver um canal descer tão baixo”, diz Wuant sobre a SIC Notícias

O célebre comentário publicado por engano na página da SIC Notícias – onde Wuant é chamado de “parasita da Internet” – mereceu uma reação do youtuber. “Fiquei em choque ao ver um um canal tão grande e tão ‘credível’ descer tão baixo”, comentou, lamentando que a SIC não lhe tenha pedido desculpa. Veja o vídeo.

Wuant voltou a publicar um vídeo no seu canal, para comentar as notícias que o anterior vídeo suscitou.

Em causa o já célebre Artigo 13, que faz parte da legislação europeia sobre direitos de autor. Um assunto que se tornou mais mediático do que nunca, desde que o youtuber decidiu comentá-lo, ainda que de forma imprecisa.

Neste novo vídeo, Wuant reage a algumas notícias e critica erros de análise de alguns jornais. E não há como negá-lo: os jornais erraram, por desconhecerem a dimensão do projeto do maior youtuber português.

O assunto gerou uma ‘guerra’ entre meios de comunicação social e os youtubers, numa luta de mercados (por inacreditável que isto possa parecer). A televisão quer atingir o mesmo target, nos mesmos meios (as redes sociais) e não consegue vencer essa batalha.

Wuant mostra as suas armas e parte para o ataque.

Pelo meio, comenta o incidente na página oficial na SIC Notícias, onde foi publicado um comentário oficial do canal, por engano. Um cruel sinal de que os órgãos de comunicação social cometem erros de principiante nas redes sociais, das quais dependem, cada vez mais.

O youtuber não deixou de falar das quebras de audiências, neste seu vídeo de resposta. E conta que recusou todos os pedidos de entrevista, porque dispensa a comunicação social para falar com o seu público.

Refira-se, no entanto, que no vídeo original Wuant cometeu algumas imprecisões, sobre a aplicação do Artigo 13. E não corrigiu qualquer erro. Pelo contrário, insistiu na teoria do “fim da internet”.

Veja o vídeo:

Mais partilhadas da semana

Subir