Nas Redes

Vídeo: Filha alucina em cama de hospital e mãe toma decisão inacreditável

Este vídeo é perfeito para nos ensinar a lidar com duas ferramentas – câmaras de vídeo e redes sociais – e com os nossos filhos. Uma criança apresenta sinais de alucinações numa cama de hospital e a mãe decide divertir-se. Veja as imagens, perturbadoras, apesar de tudo.

Imagine que o seu filho, menor, está sob efeito de medicamentos e começa a alucinar, a falar em monstros que riem e em pessoas que se atiram da janela. Ligaria a câmara de vídeo para registar o momento? Conseguiria rir? Permitiria que esse registo fosse parar às redes sociais?

Esta mãe enfrentou este cenário e não pensou nas consequências. A filha exigiria o maior recato e proteção materna. Não estava bem (e por isso tinha sido medicamentada e permanecia internada), mas a mãe achou piada.

Perante as alucinações da filha – como um “monstro pendurado na parede a rir-se”, ou alguém a saltar pela janela e a rir-se de si –, a mãe diverte-se e cria um vídeo.

As imagens acabaram por ter destaque em páginas do Facebook de grande dimensão. E esta criança foi alvo de todo o tipo de reações: divertiu, suscitou gozo e, acima de tudo, perdeu a privacidade.

E tudo por culpa da mãe, que não compreende o que são as redes sociais e o seu poder.

Veja o vídeo, que só nesta página do Facebook conta com mais de 500 mil visualizações.

https://www.facebook.com/JukinVideo/videos/1129262653828670/

Mais partilhadas da semana

Subir