Nas Notícias

Vídeo: Em junho, Costa dava Monchique como exemplo na prevenção

Monchique tem sido a localidade mais fustigada por incêndios, até este momento, neste ano de 2018. Há cerca de dois meses, o primeiro-ministro visitava a serra de Monchique e deixava rasgados elogios à prevenção contra incêndios feita naquele espaço. Veja o vídeo.

Na altura, depois de um ano negro no que toca a fogos florestais, António Costa rumava a sul e visitava uma zona que os especialistas alertavam para os riscos de incêndio.

Em Monchique, o primeiro-ministro elogiava prevenção e sensibilização feita contra os fogos.

“O nosso objetivo é ter um território mais seguro e como se vê é possível fazer”, referia, então, o chefe de Governo, em junho, em plena serra de Monchique.

Depois de ver uma equipa de sapadores a limpar o terreno, Costa subiu ainda à Fóia onde visitou um posto de vigia, no sítio da Madrinha.

António Costa falava então de Monchique como exemplo em matéria de prevenção e apelava a que a limpeza das matas no território pudesse continuar. E explicava a escolha daquele local para usar como exemplo ao país.

“Foi propositadamente que escolhemos Monchique, porque é um dos concelhos do Algarve que não tem praia, mas tem uma riqueza enorme, que é esta serra. Esta permite-nos ter uma boa produção de madeira e um conjunto de atividades associadas à exploração florestal, desde a criação do porco preto, à apicultura, ao medronho”.

António Costa apelava ainda para que se fizesse a limpeza dos terrenos:

“A limpeza é necessário, pode e dever ser prosseguida. É necessário continuar este esforço e manter nos próximos anos.”

Com o primeiro-ministro esteve também, na altura, Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna.

Veja o vídeo com as declarações do líder do Governo.

Agora que uma vasta área já ardeu, António Costa já veio a público revelar que esta foi a “exceção que confirmou a regra” do “sucesso” no trabalho feito pelo Governo em matéria de combate a fogos neste ano.

Mais partilhadas da semana

Subir