Nas Notícias

Vídeo: “Comunidade cigana é tão portuguesa como qualquer um de nós”

O primeiro-ministro rejeitou definir um plano de desconfinamento para a comunidade cigana e, em resposta a André Ventura, afirmou que o deputado do Chega levou “um baile do Quaresma“.

No debate quinzenal, o primeiro depois de terminado o estado de emergência, António Costa afirmou que o problema não é “com a comunidade cigana”, mas sim com as pessoas que “não cumprem as normas sanitárias”.

“Nós não temos um problema com a comunidade cigana. Temos problemas com pessoas que cumprem ou não cumprem as normas sanitárias. A lei é para cumprir e deve ser aplicada a todos por igual”, frisou o governante.

A resposta surgiu depois de André Ventura ter perguntado a António Costa se “concorda ou não que há um problema com a comunidade cigana em Portugal”, acusando a mesma de “reiterado incumprimento” das normas de confinamento.

“O senhor deputado resolveu criar um caso com uma parte importante dos portugueses, que é a comunidade cigana, como se fossem estrangeiros, não sabendo que há séculos que são tão portugueses como qualquer um de nós. O que temos foi uma grande resposta à altura de um grande campeão nacional e de um grande jogador da nossa seleção”, complementou o primeiro-ministro, reforçando o argumento antes invocado por Catarina Martins.

“É ter muito mau perder quando, depois de levar um baile do Quaresma, a única resposta que teve para dar foi dizer que, sendo jogador da seleção nacional, só tinha obrigação de estar calado”, finalizou António Costa.

Veja o vídeo.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir