Mundo

Vice-PM chinês retoma negociações para acordo comercial com EUA em Washington

O vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, está hoje em Washington para mais uma ronda negocial para um acordo comercial com os Estados Unidos.

A presença de Liu He foi confirmada quarta-feira por Pequim mesmo depois do Presidente norte-americano Donald Trump ter anunciado novas taxas alfandegárias.

A ida de Liu a Washington estava planeada, como parte de nova ronda de negociações, mas havia a hipótese de ser cancelada, após o Presidente norte-americano ter anunciado, no domingo, que os EUA vão aumentar as taxas alfandegárias sobre o equivalente a 200 mil milhões de dólares (178,4 mil milhões de euros) de bens importados da China.

Liu tem agendadas reuniões com o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, e o representante para o Comércio, Robert Lighthizer.

Os governos das duas maiores economias do mundo impuseram já taxas alfandegárias sobre centenas de milhares de milhões de dólares das exportações de cada um.

Em causa está a política de Pequim para o setor tecnológico, que visa transformar as firmas estatais do país em importantes atores globais em setores de alto valor agregado, como inteligência artificial, energia renovável, robótica e carros elétricos.

As negociações decorrem desde que, em dezembro passado, Washington e Pequim acordaram um período de tréguas, que foi entretanto prolongado, visando chegar a um acordo.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir