Fórmula 1

Vettel ganha na Malásia e assume liderança do campeonato

vettel malasiaSebastian Vettel venceu o Grande Prémio da Malásia de Fórmula 1, segunda prova da temporada disputada este domingo no Circuito de Sepanga, e assumiu a liderança do Campeonato do Mundo da especialidade.

O alemão da Red Bull, não dominou a corrida, apesar de ter arrancado da ‘pole position’ e ter liderado nas primeiras voltas, disputadas com a pista ainda húmida devido à chuva que caiu antes da prova.

A necessidade de Vettel parar cedo para trocar de pneus, fez com que o seu companheiro de equipa, Mark Webber, conseguisse comandar a corrida na sua fase intermédia.

vettel malasia510

É que para além de um excelente arranque, que lhe permitiu passar para a segunda posição no começo da corrida, o australiano da Red Bull foi dos poucos a iniciar a prova com os pneus mais duros da Pirelli.

Pensou-se que Webber conseguiria efetuar apenas duas paragens nas boxes, mas acabou por realizar uma terceira, que em última análise o colocou ao alcance de Sebastian Vettel.

Depois o campeão do Mundo conseguiu apanhar o seu companheiro de equipa logo após o último ‘pit-strop’ deste, e após várias tentativas acabou por recuperar a posição e rapidamente afastar-se para garantir o seu primeiro triunfo do ano.

podio malasia f1

Atrás dos dois Red Bull, os dois homens da Mercedes fizeram uma excelente prova, tirando partido de uma boa estratégia e de um bom andamento nas difíceis condições em que se disputaram as primeiras voltas.

Por várias vezes Lewis Hamilton e Nico Rosberg trocaram de posições, num duelo que após a quarta e última paragem das boxes de ambos os pilotos viria a ser favorável ao inglês, pese embora a equipa tivesse dado ordens para o alemão manter a quarta posição, não obstante se mostrar mais rápido dos dois.

O quinto lugar Felipe Massa atenuou a deceção no seio da Ferrari, que cedo perdeu o concurso de Fernando Alonso, depois do espanhol ter abandonado com a asa dianteira do seu monolugar partida, depois de não ter evitado a colisão na traseira do Red Bull de Sebastian Vettel na segunda curva de Sepang.

alonso malasia

Romain Grosjean foi desta feita o melhor piloto da Lotus, ao terminar na sexta posição, já que Kimi Raikkonen acabou por ser fortemente penalizado pela perda de cinco lugares na grelha de partida, por alegadamente ter prejudicado Nico Rosberg na qualificação.

O finlandês foi obrigado a uma difícil recuperação, em que apanhou pilotos mais lentos e difíceis de ultrapassar à sua frente, nomeadamente Nico Hulkenberg, acabando na sétima posição e perdendo o comando do campeonato.

Hulkenberg deu três preciosos pontos à Sauber, numa prova em que foi um dos grandes beneficiados pelos abandonos dos dois pilotos da Force India. Uma equipa verdadeiramente desastrada nas boxes, custando a perda de vários lugares a Adrian Sutil e Paul di Resta quando estes estavam em prova.

Desastrada também esteve a McLaren, que quando Jenson Button estava ainda numa posição pontuável apertou mal uma roda do monolugar do inglês, fazendo-o parar no meio na ‘pit lane’. Um dos episódios caricatos da tarde, já que o outro foi Lewis Hamilton ter-se enganado nas boxes num dos ‘pit stops’, parando em frente dos mecânicos da McLaren.

Classificação final

0Shares

Páginas: 1 2

Mais partilhadas da semana

Subir