Mundo

Veja o discurso de um estudante com cancro terminal que emocionou o mundo

Chama-se Jake Bailey, é um estudante neozelandês de 18 anos e tem um cancro terminal. Escreveu e leu um discurso que emocionou colegas e professores. As redes sociais deram eco às palavras de Jake e aquele sentimento propagou-se. Veja o vídeo.

Assim que foi chamado para discursar, Jake recebe um forte aplauso, que o emociona, ainda que esse sentimento não se expresse em lágrimas.

As primeiras palavras tremidas denunciam o óbvio.

“Escrevi um discurso e uma semana antes de o proferir, disseram-me ‘tens cancro e se não fores tratado, vais morrer em três semanas’. E disseram-me que eu não estaria aqui esta noite para proferir este discurso. Estas palavras não são sobre o que vem aí, mas o quão fantástico foi estar cá”, começou por dizer Jake Bailey.

E prosseguiu: “Escrevi isto antes de saber que tinha cancro. Agora, tenho uma visão diferente destas palavras”.

E as ideias prosseguiram, com Jake a abordar a crueldade que um jovem enfrenta: ser jovem é desenhar planos a longo prazo, mas este jovem aconselha-nos a fazer o contrário.

“Ninguém sai vivo deste mundo. Por isso, sejam fortes, sejam grandes, sejam amáveis e sejam agradecidos pela oportunidade que têm. O futuro está nas vossas mãos. Esqueçam sonhos a longo prazo. Dediquemo-nos apaixonadamente a atingir objetivos de curto prazo”.

A mensagem de quem está perto do fim foi, provavelmente, a mais tocante.

“Não sabemos onde ou quando poderemos terminar. Não sei o que vai acontecer a vocês, a mim próprio, mas desejo o melhor para a vossa viagem e agradeço-vos por terem feito parte da minha”, referiu.

E o jovem estudante terminou o discurso com uma expressão latina – ‘altiora peto’ – que significa “aspiro a coisas superiores” e representa um lema da escola.

Jake padece de um dos linfomas mais agressivos. Foi-lhe diagnosticada a doença dias antes de concluir o ensino secundário.

Apesar de tudo, decidiu estar presente na cerimónia de final de ano e tomou a palavra para tocar no coração dos presentes, no coração do mundo.

O vídeo foi publicado pela Christchurch Boys’ High School, no passado dia 5 de novembro, e acumula mais de um milhão de visualizações, número em constante crescimento, dada a sua divulgação nas redes sociais.

Veja as imagens. A partir dos 14 minutos, já depois das palavras de Jake, os colegas dedicam uma homenagem sentida, que deixa o jovem sentido. O público também retribui, num momento de grande intensidade.

Em destaque

Subir