Motores

Um pódio muito festejado para Marco Silva em Fronteira

A terceira posição alcançada por Marco Silva nas 4 Horas TT de Fronteira foi o resultado mais relevante da equipa Benimoto Team na prova de resistência destinada aos SSV que mais uma vez decorreu no traçado alentejano.

A equipa inscreveu para esta prova quatro CanAm Maverick X3 e todos eles estiveram à chegada. Ainda assim o melhor representante da Benimoto teve problemas no começo da prova.

De facto, o início da corrida não correu da melhor forma para Marco Silva, que viu o seu CanAm sofrer um toque na traseira durante a fase de arranque que o fez perder um tempo significativo. Após este percalço o piloto passou ao ataque, imprimiu um ritmo forte que lhe permitiu recuperar posições, até se fixar no pódio desta prova que teve a Vila de Fronteira como cenário.

Nuno Pires, mais um ex-piloto auto se prepara para abraçar uma nova fase da sua carreira agora nos SSV, partilhou o CanAm # 217 com Tiago Rodrigues. Estavam a fazer uma corrida limpa, rolavam em 10º lugar quando se partiu uma correia do variador a cerca de volta e meia do final, tendo terminado a corrida no 25º posto.

Rui Farinha que fez equipa com Jorge Silva (com a particularidade de ambos também terem disputado a seguir a corrida de 24 Horas) e José Correia de Sousa disputaram a prova alentejana com o claro objetivo de desfrutar do ambiente de competição, mas acabaram por ser a segunda melhor equipa do Benimoto Racing Team, tendo concluído a prova na 19ª posição.

Menos feliz foi a dupla Avelino Luís/Nuno Fontes, cujo CanAm esteve parado durante largos minutos nos treinos cronometrados, o que os impediu de fazer um melhor tempo para grelha de partida, mais de acordo com a reconhecida rapidez de ambos os pilotos. Já durante a prova, uma correia do variador partida e duas saídas de pista condicionaram o resultado da equipa que terminou na 28ª posição.

Mais partilhadas da semana

Subir