Insólito

Um dos homens mais procurados do mundo servia almoços aos polícias

Piotr Kupiec, um dos homens mais procurados do mundo, atendia ao balcão de um restaurante próximo a uma esquadra da polícia, em Wiltshire, na Inglaterra. Os colegas do “amigável” polaco ficaram em choque com a detenção do suspeito do homicídio de um adepto.

Piotr Kupiec, de 28 anos, era um dos nomes principais na lista dos mais procurados pela Interpol, depois das autoridades polacas terem emitido um mandado de prisão pelas suspeitas de homicídio, agressão mortal e assalto violento.

Há quase dez anos que o fugitivo fintava a polícia, que o tenta apanhar por ser um dos líderes de um gangue, associado à claque do Wisla Krakow, suspeito de esfaquear mortalmente um adepto do Korona Kielce FC, em 2007.

Foi há cerca de quatro anos que Piotr Kupiec fugiu, tendo agora sido identificado em Inglaterra, a trabalhar num pequeno café e numa das lojas da conhecida cadeia de restaurantes Subway, na cidade da Wiltshire.

O irónico da situação é que este Subway é muito procurado pelos polícias que trabalham numa esquadra que fica a uns 200 metros…

Quando o fugitivo foi detido, os colegas de trabalho ficaram chocados: afinal, o colega polaco foi sempre “amigável” para com todos e ninguém tinha qualquer razão de queixa de Piotr Kupiec.

Mais partilhadas da semana

Subir