Economia

Crescimento do PIB português mantém-se em 1,7 por cento este ano e em 2020

Bruxelas continua a prever que o crescimento da economia portuguesa abrande em 2019 e 2020, estimando que avance 1,7 por cento nesses anos, menos do que o previsto pelo Governo, cujas estimativas são de 1,9 por cento em 2019 e 2020.

Nas previsões da primavera divulgadas hoje em Bruxelas, o executivo comunitário estima que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) continue a registar “uma expansão moderada”, ancorada no crescimento do investimento e do consumo privado cujo comportamento compensa parte do impacto negativo do comércio externo.

Bruxelas estima, assim, que em 2019 a economia avance 1,7 por cento apontando para o mesmo valor em 2020, depois de ter crescido 2,1 por cento em 2018.

Já nas previsões de inverno (que contemplam apenas o crescimento do PIB e a inflação) a Comissão Europeia projetava que o PIB se expandisse 1,7 por cento em 2019 e 1,7 por cento em 2020.

Mais partilhadas da semana

Subir