Motores

“Triunfo suado mas saboroso” para José Pedro Fontes

José Pedro Fontes e Paulo Babo, bem como toda a equipa Sports & You tiveram boas razões para celebrar após vencerem o Rali Amarante Baião.

Não apenas a dupla conseguiu um triunfo ‘arrancado a ferros’, face à margem final de cinco segundos para o segundo classificado, como foi o primeiro conseguido pelo Citroën C3 R5 em termos absolutos no Campeonato de Portugal de Ralis.

Fotos: AIFA

Já se tinha percebido na Madeira como o carro francês era competitivo em pisos de asfalto, mas a prova do Clube Automóvel de Amarante apresentava desafios diferentes do evento insular.

Também a prova realizada na zona do Marão era mais favorável a João Barros, que já em Castelo Branco tinha mostrado ser o asfalto o seu terreno predileto. E com um carro mais competitivo, o Skoda Fabia R5, o piloto de Paredes revelou-se um rival bem complicado para José Pedro Fontes, valorizando o triunfo do piloto portuense.

“Foi um triunfo suado mas bestialmente saboroso. Conseguimos fazer desta vez aquilo que por manifesto azar não foi possível em Castelo Branco. Conseguimos dar ao Citroën C3 R5 o primeiro triunfo à geral numa prova do Campeonato de Portugal de Ralis, um objectivo que perseguíamos desde Maio”, considerou José Pedro Fontes.

Para o piloto do Citroën Vodafone Team “foi um rali exigente em que o mínimo erro podia deitar tudo a perder”, tal o nível de andamento. “Aproveito para felicitar o João Barros pela excelente prova que fez, sendo que também ele seria um justo vencedor. Por outro lado gostava de dedicar este triunfo à Inês Ponte, depois do período difícil que ambos atravessamos, e a toda a equipa que trabalhou de forma incansável antes e durante este rali, em que tudo era novidade”, referiu também.

“Estamos todos de parabéns, mas já a pensar em repetir ‘a dose’ no Algarve. É nisso que estamos já focados, até porque este triunfo veio apimentar ainda mais a luta pelo título que será decidido na última prova e, apesar de todos os percalços que enfrentámos, nós também estaremos na luta, sabendo que é imperioso vencer, embora estejamos dependentes do resultado dos nossos outros dois rivais”, acrescenta José Pedro Fontes aludindo à derradeira prova do Campeonato de Portugal de Ralis, que se disputa a 17 e 18 de Novembro.

Mais partilhadas da semana

Subir