Motores

Triunfo espanhol na Peugeot Rally Cup em Terras D’Aboboreira

A passagem da Peugeot Rally Cup Ibérica pelo Rali Terras D’Aboboreira saldou-se por um triunfo do espanhol Daniel Berdomás, que assim incrementou a sua vantagem na competição destinada aos 208 R2.

Já vitorioso nos ralis Sierra Morena e de Portugal, Berdomás e o seu navegador David Rivero alcançaram a sua terceira vitória consecutiva na competição organizada pela Peugeot de Portugal e de Espanha na ronda disputada na prova do Clube Automóvel de Amarante.

Nesta quarta prova da época a dupla espanhola ganhou uma vantagem importante no primeiro dia, para no segundo controlar a sua diferente para Carlos Fernandes e Bruno Abreu, segundos classificados, e para Ricardo Costa e Paulo Marques, que subiram ao último lugar do pódio.

“Estou naturalmente contente com esta terceura vitória do ano, que me permitiu acumular uma pontuação que nos fará chegar ao Rali da Catalunha com uma margem significativa em termos de copa”, afirmou o vencedor no final desta prova disputada nas regiões de Baião e Marco de Canaveses.

Carlos Fernandes conseguiu ser o mais rápido em três especiais, e acabou o rali a menos de uma dúzia de segundos de Daniel Berdomás. O que o deixou satisfeito: “Num dia em que fizemos tudo para chegar à vitória, estou , ainda assim, contente pelo resultado conseguido e ainda mais com o facto de, aos 35 anos, ter conseguido ser o mais rápido em três troços, à frente destes jovens leões do troféu”.

“Há ainda coisas a limar e a aprender, o que vamos tentar fazer em Espanha, para conseguir, finalmente, uma vitória”, acrescentou o segundo classificado, que deixou o terceiro colocado a quase 20 segundos.

Também Ricardo Costa, aqui vencedor da Junior Cup, afirmava “estar feliz por este terfceiro lugar na nossa apenas terceira prova”, onde adotou “um ritmo simultaneamente forte e controlado, para evitar surpresas de maior”.

A fechar o top cinco terminaram a dupla britânica formada por Ruiari Bell e Darren Garrod, e pelos espanhóis José Luís Pelaez e Rudolfo del Barrio, numa prova que viu um dos candidatos ao pódio, Hugo Lopes, atrasar-se na sequência de uma saída de estrada, terminando num longínquo 12º posto.

Em destaque

Subir