Motores

“Todos estiveram irrepreensíveis” na Goldentrans Dura em Fronteira

GoldentransFronteira115

Segundo o seu responsável “todos estiveram irrepreensíveis” na equipa Goldentrans Dura durante as 24 Horas TT de Fronteira, vencendo a categoria T2, depois de já ter sido a formação mais rápida nos treinos cronometrados.

Alexandre Franco, Pedro Grancha, Bruno Sá e Luís Queirós foram consistentes levando a Nissan Navara a cortar a meta na oitava posição da classificação geral absoluta.

O balanço que a equipa tem de fazer sobre a participação nesta grande festa do todo-o-terreno nacional tem de ser considerada positiva, ainda que não tenha podido manter-se no top quatro absoluto até ao final da corrida, como sucedida após a quinta hora.

Os segundos turnos de condução de cada piloto foram igualmente bons pelo que Alexandre Franco considera a prestação “excelente”, destacando a dureza de um evento como este.

GoldentransFronteira015

“As 24 Horas de Fronteira são uma prova que exige uma preparação diferente de todas as outras. Desde todo o trabalho extra da equipa técnica, aos coordenadores que nos vão passando toda a informação da corrida e ao mesmo tempo nos vão dizendo o que temos que fazer a todo a hora dentro e fora do carro”, refere o piloto de Alenquer.

“À imagem da edição de há dois anos, estiveram todos irrepreensíveis. Por parte dos pilotos, fizemos tudo o que nos foi pedido. Os mecânicos estiveram no seu melhor e resultado disso mesmo foi o facto de o nosso carro ter estado espectacular ao longo de toda a prova. Foi espectacular o que conseguimos e só posso dar os parabéns a todos por esta vitória”, acrescenta Alexandre Franco.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir