Motores

“Tivemos de dar o nosso melhor para alcançar este triunfo” garante José Pedro Fontes

É com a sensação de trabalho cumprido que José Pedro Fontes concluiu o Rali Terras D’Aboboreira, repetindo um ano depois o êxito alcançado na prova do Clube Automóvel de Amarante

Num evento com grande parte do percurso novo, o piloto do Porto conseguiu a sua primeira vitória da época e a primeira na companhia de Inês Ponte desde que compete com o Citroën C3 R5.

O momento decisivo da atuação de ‘Zé Pedro’ foram mesmo as últimas especiais realizadas na tarde de sábado, em que fez realmente a diferença para Bruno Magalhães, que dominara grande parte do evento, este ano disputado entre Amarante, Baião e Marco de Canaveses.

Numa prova marcada pelo intenso calor e alguns acidentes, Fontes foi conseguindo manter a pressão sobre o piloto do Team Hyundai ao ganhar ao seu rival mais de dez segundos nas três classificativas da manhã de sábado.

O piloto do Porto ficou com quase oito segundos de vantagem no regresso ao Marco antes da última ronda pelos troços de Marco, Baião e Carvalho de Rei, aí aumentaria essa vantagem para a diferença final superior a 14 segundos.

“Foi um rali exigente. Tivemos que dar o nosso melhor para alcançar este triunfo, que resulta, acima de tudo, do bom trabalho da equipa que nunca deixou de acreditar e tem nesta vitória a melhor recompensa pelo esforço desenvolvido”, começa por dizer José Pedro Fontes.

Para o piloto do Citroën Vodafone Team esta vitória também tem um simbolismo: “Vencer este rali tem um significado especial já que se trata de um regresso da Inês às vitórias, algo que ela merece muito. Tivemos muito perto de ganhar em Mortágua e ambicionávamos este momento desde lá”.

“Paralelamente, este foi, como todos puderam ver, um rali disputado de princípio a fim por vários pilotos. Em relação ao Bruno Magalhães, e da mais elementar justiça sublinhar que a minha maior experiência em algumas especiais fez a diferença a meu favor. Parabéns também ao Bruno e ao Hugo Magalhães pelo excelente rali e pela luta réplica que deram”, salienta ainda ‘Zé Pedro’.

Esta vitória coloca José Pedro Fontes e Inês ponte no quarto lugar do campeonato, somando 87,74 pontos, e deixa-os mais moralizados para o próximo evento da temporada; o Rali Vidreiro – Centro de Portugal, a disputar nos 4 e 5 de Outubro, organizado pelo Clube Automóvel da Marinha Grande.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir