Motores

Tiago Reis lidera em Idanha e João Ramos desiste

Tiago Reis e Valter Cardoso lideram a Bata TT de Idanha-a-Nova após o primeiro dia de competição. Foram 167,6 quilómetros percorridos ao cronómetro que reservou a prova da Escuderia de Castelo Branco para este sábado, este ano com a chuva e o nevoeiro a substituir o habitual calor intenso.

João Ramos, Victor Jesus e a Toyota Hilux do Team Salvador Caetano dominaram os sete quilómetros do prólogo, seguido de Pedro Dias da Solva na Ford MO EXR05 Proto. Mas o piloto de Vila Nova de Gaia, e quando nada o fazia prever, teve problemas de transmissão no início do setor seletivo.

Foi um rude golpe para João Ramos, que deixou Tiago Reis e o seu Mitsubishi Racing Lancer na frente a primeira passagem pelo primeiro ponto de controlo. O bom andamento permitia-lhe ter ascendente sobre Alexandre Franco e o BMW Evo X1.

Já Alexandre Ré sofreu um furo na Volkswagen Amarok, que o fez perder um minuto no prológo. Isso afastou da discussão do primeiro lugar. Reis, mesmo sofrendo um furo, veio a vencer o setor seletivo, terminando o dia com 1m13,6s de vantagem sobre Pedro Dias da Silva.

“Um dia muito difícil, com o piso muito escorregadio, onde é muito difícil de guiar. Viemos sempre ao ataque, mas ao quilómetro 104 tivemos um furo, que nos fez perder algum tempo. Recuperámos e vamos para o dia de amanhã para tentar acabar a Baja e dar o nosso melhor”, afirmou Tiago Reis no final da jornada.

Alexandre Ré e Pedro Dias da Silva, terceiro e segundo, nas contas do campeonato, partem para o segundo dia separados por 1m12,7s, com vantagem para o piloto de Tomar. E é com o CNTT em mente que vão para os 167,1 quilómetros ao cronómetro do segundo dia.

“Esta é uma posição que nos grada muito”, afirma Pedro Dias da Silva. O nabantino diz que sabia que a prova “não ia ser fácil, mas o segundo lugar acaba por estar em linha com os nossos objetivos. O carro está ótimo e amanhã temos de novo um sector mais de 160 quilómetros. Portanto temos muita corrida pela frente. Vamos dar o nosso melhor para lutar pela vitória”.

1Shares

Em destaque

Subir