Nas Notícias

“Terroristas preparavam atentado no Euro’2004”, garante Carlos Anjos

Carlos Anjos garantiu que a Polícia Judiciária (PJ) deteve um grupo, em 2004, que preparava um atentado terrorista no Porto, por altura do Campeonato da Europa.

Uma decisão que a PJ tomou contra a vontade do Serviço de Informações de Segurança (SIS), que defendia manter o grupo sob vigilância apertada.

“Recebemos uma informação, três meses antes do início do Euro’2004, de que exatamente aqui, em Braga, encontrava-se um grupo algures a preparar um atentado terrorista, tendo em vista o maior evento da altura”, afirmou o antigo inspetor-chefe da PJ, ao intervir nas jornadas parlamentares do CDS, em Braga.

Carlos Anjos revelou ainda o desentendimento entre as duas estruturas sobre o procedimento a adotar: “Enquanto o SIS entendia que devíamos esticar a corda, até ao máximo, nós na PJ entendíamos não poder correr riscos”.

A PJ tomou uma decisão e, em quatro horas, deteve os alegados terroristas.

“Nós, Polícia Judiciária, decidimos que quatro horas antes, se não houvesse mais nada, iríamos detê-los, pelo menos com base nos documentos falsos”, precisou.

A decisão revelou-se acertada, continuou Carlos Anjos, salientando que “se não fizeram atentado foi porque a polícia não o deixou”.

Dessas quatro detenções resultaram três expulsões, sendo que um dos suspeitos expulsos foi Mohammed Bouyeri, que sete meses mais tarde participou no atentado que matou o cineasta Theo van Gogh.

O suposto atentado teria como alvo principal Durão Barroso, que era então o primeiro-ministro (depois, nesse ano de 2004, assumiu a presidência da Comissão Europeia).

À data, as autoridades negaram as notícias sobre esse grupo de alegados terroristas.

“Agora, se me perguntarem se eles vieram a Portugal ver o Europeu, eu tenho dúvidas”, concluiu o antigo inspetor-chefe: “Não acredito mesmo que viessem ao futebol com passaportes falsos, mas não podíamos arriscar porque, nessas horas, o diabo costuma ser mais amigo dos bandidos que dos polícias”.

Mais partilhadas da semana

Subir