EUA

Stormy Daniels detida por ser tocada num clube noturno

Stormy Daniels, a atriz de filmes para adultos que manteve uma relação com Donald Trump numa altura em que Melania Trump estava grávida, foi detida num clube noturno do Ohio. A denúncia foi feita pelo advogado da atriz, que fala em “armadilha”.

A mulher que diz ter mantido uma relação com Donald Trump em 2006 foi detida, nesta quarta-feira, num clube noturno de Columbus, no Ohio.

Durante uma atuação, Stormy Daniels – cujo nome de batismo é Stephanie Clifford – foi tocada por um cliente, o que não é permitido.

Segundo a lei do Ohio, é proibido contacto físico entre bailarinas de clubes noturnos, exceto se quem pratica esse ato for seu familiar.

A atriz foi detida, segundo denunciou o seu advogado, Michael Avenatti, que fala em “armadilha”, de alguém “desesperado”.

“Tratou-se de uma encenação, com motivações políticas. Isso cheira a desespero… Iremos lutar contra todas as falsas acusações”, escreveu Avenatti, no Twitter, confirmando a detenção.

O objetivo será descredibilizar a atriz, de acordo com o causídico, que não acredita na inocência do incidente que provocou a detenção.

Stormy Daniels trava uma batalha com Trump, tendo alegadamente sido paga para manter o silêncio sobre esses encontros que terá mantido e que Donald Trump sempre desmentiu.

Mais partilhadas da semana

Subir