Economia

Sonae cancela entrada em bolsa do retalho alimentar devido a condições do mercado

A Sonae cancelou a entrada em bolsa da Sonae MC, a sua empresa da área de retalho alimentar, devido às condições adversas nos mercados internacionais, anunciou hoje o grupo ao mercado.

“A Sonae SGPS, S.A. informa que, face às condições adversas nos mercados internacionais, a oferta institucional não se concretizará, o que determinará, consequentemente, a não execução da oferta pública de venda de ações da Sonae MC”, lê-se no comunicado do Conselho de Administração enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O grupo Sonae tinha anunciado na passada quinta-feira que ia colocar em bolsa um mínimo de 21,74 por cento de ações da sua empresa da área de retalho alimentar, através de uma oferta pública inicial, com um preço entre 1,40 e 1,65 euros por ação.

A operação consiste na disponibilização de 217,36 milhões de ações ordinárias da Sonae MC, com possibilidade de disponibilização de mais 32,6 milhões de títulos, para investidores institucionais e para investidores em Portugal.

Mais partilhadas da semana

Subir