Nas Notícias

“Seria assustador se Rui Rio tomasse conta do país'”, diz Manuela Moura Guedes

Manuela Moura Guedes criticou a postura de Rui Rio, depois do dirigente do PSD ter ignorado a polémica em torno de José Silvano e ter respondido ao jornalistas em alemão. “Está a deixar o PSD de ‘pantanas'”, atirou.

A jornalista recuperou o episódio de Rui Rio, na passada semana, quando o dirigente social-democrata ‘ignorou’ os jornalistas e lhes respondeu em alemão, não se referindo à recente polémica com José Silvano.

“Rui Rio mandou àquela parte os jornalistas. É o completo desprezo pela classe jornalística. Porque os jornalistas estão-lhe a fazer uma pergunta sobre um assunto importante, ao que ele respondeu que era uma ‘questiúncula'”, explicou.

“Ele pura e simplesmente fala-lhes em alemão. Porque ele acha que os jornalistas e a classe jornalística são um dos grandes problemas da democracia”, continuou.

Manuela Moura Guedes referiu que “os jornalistas são um problema” para Rui Rio e traçou semelhanças entre o dirigente e Donald Trump, presidente dos Estados Unidos.

“Ele tem um estilo diferente de Trump. Trump faz as coisas de uma forma agressiva, ele não, ele faz graçolas, mas com o mesmo desprezo. Exatamente o mesmo desprezo pelos jornalistas”.

A procuradora mostrou-se ainda “assustada” pelos “tiques de autoritarismo” de Rui Rio, e pelo facto de, um dia, o dirigente poder “tomar conta do país”.

“São tiques que assustam. A mim assustam-me. (…) Felizmente, e como ele não tem estratégia nenhuma, ele não vai a lado nenhum e está a deixar o PSD de ‘pantanas’. É assustador se este homem tomar conta do país. Eu espero que os portugueses comecem a ver bem porque são mesmo tiques de autoritarismo”, concluiu.

Veja aqui o comentário de Manuela Moura Guedes.

174Shares

Mais partilhadas da semana

Subir