Motores

Seis mulheres nos testes de Fórmula E em Riade

São seis as pilotos que vão participar nos testes de Fórmula E que vão decorrer antes do arranque da temporada da competição de monolugares elétricos sancionada pela FIA.

A pouco mais de uma semana do começo da quinta época iniciam-se os preparativos com várias sessões de testes, não apenas para os pilotos que vão correr mas também para outros que vão experimentar o monolugar Gen2 pela primeira vez em testes.

Desta vez os ensaios têm lugar em Ad Diriyah, na capital da Arábia Saudita, onde terá lugar dia 15 o primeiro ePrix da época. E se nomes firmados como Sam Bird e Robin Frinjs vão estar presentes com os carros da DS Virgin, ou José Maria Lopez e Max Gunther, pela Dragon, também caras novas vão estar presentes. É o caso do piloto local Amna Al Qubaisi, que vai tripular um dos monolugares da Virgin ou de Nico Muller, na Audi.

Mas em Riade vai-se fazer notar uma forte presença feminina. É que estão previstas as presenças de seis mulheres ao volante, sendo a mais conhecida a espanhola Carmen Jorda, ex-piloto de testes da Lotus na Fórmula 1, que tripulará um dos Gen2 da Nissan eDams.

Mas também há lugar para as mais experimentadas Simona de Silvestro e Katherine Legge. A suíça estará ao volante de um monolugar da Venturi – que também testará Edoardo Mortara – enquanto a britânica guiará um carro da Mahindra – que também fará rolar Jerôme d’ Ambrosio.

A juventude será representada pela colombiana Tatiana Calderon, que estará aos comandos de um dos carros da DS Techeetah – a par com Andre Lotterer –, pela alemã Carrie Schreiner no carro da HWA, e pela britânica Jamie Chadwick, num dos Gen2 da NIO.

Mais partilhadas da semana

Subir