Ralis

Sebastien Loeb resiste a Mikko Hirvonen e vence Rali da Finlândia

rali loeb finlandiaSebastien Loeb venceu o Rali da Finlândia, depois de ter conseguido resistir ao ataque desferido por Mikko Hirvonen no último dia de prova, que foi totalmente dominada pelos dois pilotos da Citroën.

Loeb, que tinha conseguido aumentar a vantagem sobre o sobre o seu companheiro de equipa para quase uma dezena de segundos no final da segunda tirada, viu Hirvonen aproximar-se perigosamente na derradeira tirada.

A classificativa de Ouninpohja – com os seus 33 quilómetros de extensão – acabou por ser decesiva relativamente ao vencedor, com Loeb a segurar o comando ao ganhar terreno a Hirvonen nas três passagens por este extenso e exigente troço.

No final, a diferença entre os dois primeiros foi encurtada em somente três segundos, o que permitiu ao Campeão do Mundo impor-se na terra dos seus rivais nórdicos, sobretudo Mikko Hirvonen, o único capaz de acompanhar o seu ritmo.

De facto, os pilotos da Ford, Jari-Matti Latvala e Petter Solberg, nunca se mostraram capazes de seguir o andamento dos dois DS WRC oficiais, com o finlandês a terminar o segundo dia a mais de 25 segundos do líder, mas a perder ainda mais tempo na derradeira etapa, concluindo a prova a mais de meio minuto de Sebastien Loeb.

Solberg ainda arriscou menos do que o seu companheiro de equipa, procurando somar o máximo de pontos possível, mas também ele foi perdendo tempo para os homens da frente, terminando o rali no quarto posto, mas já quase um minuto do vencedor.

Já para a quinta posição houve alguma emoção, mas apenas porque no segundo dia Mads Ostberg viu partir-se um veio de transmissão do seu Ford Fiesta. Isso permitiu a Ott Tanak passa-lo provisoriamente na classificação. Mas no último dia o norueguês acabaria por levar a melhor, concluindo o rali com 15 segundos de vantagem sobre o estoniano.

Os acidentes sofridos por Thierry Neuville e Evgeny Novikov permitiram aos locais Matti Rantanen e Jari Ketomaa brilharem, fechando o top oito diante dos mais experimentados Martin Prokop e Sebastien Ogier, este o melhor entre os pilotos que tripulavam carros com motores atmosféricos, no Skoda S2000 inscrito pela Volkswagen Motorsport

Quanto a Armindo Araújo, e como se previa, conseguiu limitar os estragos do tempo perdido no último dia e levou o Mini John Cooper Works WRC à 15ª posição final.

“Hoje sentimos que estávamos mais rápidos, mas uma ligeira saída numa especial fez com que o pneu tivesse descolado da jante. Perdemos alguns segundos aqui que nos custou duas posições no final. Depois não cometemos qualquer erro e concluímos o trabalho e o objetivo de levar o carro até ao final”, referiu Armindo Araújo no final.

“Este foi o melhor resultado possível dadas as condições com que partimos para o rali”, acrescentou o piloto português, que espera estar mais competitivo na próxima participação, pois no asfalto o Mini sente-se muito mais à vontade do que nos pisos de terra finlandeses.

Classificação final

1.º Sebastien Loeb/Daniel Elena (Citroen DS3 WRC) 2h28m11,4s
2.º Mikko Hirvonen/Jarmo Lehtinen (Citroen DS3 WRC) + 6,1s
3º Jari-Matti Latvala/Mikka Anttila (Ford Fiesta RS WRC) + 35,0s
4.º Petter Solberg/Chris Patterson (Ford Fiesta RS WRC) + 56,1s
5.º Mads Ostberg/Jonas Andersson (Ford Fiesta RS WRC) + 2m32.1s
6.º Ott Tanak/Kuldar Sikk (Ford Fiesta RS WRC) + 2m47,6s
7.º Matti Rantanen/Mikka Lukka (Ford Fiesta RS WRC) + 4m51,7s
8.º Jari Ketomaa/Matti Stenberg (Ford Fiesta RS WRC) + 6m01,9s
9.º Martin Prokop/Zredk Hrúza (Ford Fiesta RS WRC) + 6m04,3s
10.º Sebastien Ogier/Julien Ingrassia (Skoda Fabia S2000) + 8m46,0s

15.º Armindo Araújo/Miguel Ramalho (Mini JCW WRC) + 12m43,7s

Campeonato do Mundo

Pilotos

1.º Loeb 145 pontos
2.º Hirvonen 107
3.º Solberg 90
4.º Ostberg 80
5.º Novikov 5
6.º Latvala   54
7.º Prokop   36
8.º Neuville 32
9.º Sordo     29
10.º Al-Attiyah 23

13.º Araújo 13

Em destaque

Subir