Nas Notícias

“Se Santo António fosse vivo votaria no Chega”

A personalidade de Santo António, que hoje é evocado em Lisboa e outras localidades, leva André Ventura a deixar uma garantia: se fosse vivo, o religioso votaria no Chega.

“Hoje celebra-se em vários pontos do mundo a vida de Santo António, o nosso santo português é doutor da Igreja, sepultado em Pádua”, começou por enquadrar André Ventura, em declarações ao PT Jornal.

O líder do Chega não se conforma com ‘a última morada’ do santo e promete agir para que o padroeiro de Lisboa retorne à terra que o viu nascer.

“Não é preciso muita argumentação para perceber este ponto: se o Chega chegar ao Parlamento nas próximas eleições vai solicitar ao Estado Português que faça tudo ao seu alcance para trazer o corpo do santo para a Sé de Lisboa”, prometeu.

“Conhecendo o seu pensamento”, André Ventura disse estar “convencido” que, se o Santo António fosse vivo, “votaria indelevelmente no Chega”.

“A sua feroz crítica social aos que se aproveitam do Estado e da administração pública, a exigência de igualdade e dignidade e a sua feroz luta pela justiça são hoje alguns dos pontos fundamentais da nossa luta. É como se Santo António fosse um dos nossos grandes mentores e isso faz com que a nossa luta seja intemporal e incansável”, justificou.

“Aliás, o Santo António será sempre o verdadeiro padroeiro do Chega”, concluiu André Ventura.

713Shares

Mais partilhadas da semana

Subir