Cultura

The Rolling Stones acabam? “Veremos…”, diz Mick Jagger à BBC

rolling_stonesRumores do fim dos Rolling Stones acentuados com as últimas declarações de Mick Jagger à BBC. O vocalista abordou “tensões” no relacionamento com o guitarrista Keith Richards e não garantiu o regresso aos palcos da histórica banda, para comemorar o 50.º aniversário. “Veremos…”, disse Jagger.

Os Stones já não atuam desde 2007, data que coincide com os primeiros problemas pessoais graves entre Mick e Keith. O regresso aos palcos estava previsto para o próximo ano, data da comemoração dos 50 anos dos The Rolling Stones.

No entanto, Mick Jagger, em recentes declarações ao canal inglês BBC, deixou no ar a possibilidade de esse concerto nunca chegar a existir e, no extremo, de a banda nunca mais atuar.

O relacionamento entre ambos, segundo Mick Jagger, não tem sido pacífico. O cantor assume-o e lamenta-o: “É melhor haver harmonia… Dizem que a tensão é boa, mas não concordo. Existe, porque a vida é mesmo assim, mas seria melhor um relacionamento sem ela”.

Questionado sobre o regresso aos palcos para assinalar os 50 anos do histórico grupo, o vocalista foi evasivo, mas não escondeu que os problemas são graves. “Veremos o que acontece”, referiu apenas.

Outros sinais de afastamento surgiram recentemente: “Os Rolling Stones não receberam nenhum convite para a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos. E se fossem convidados, recusariam”, afirmou Mick Jagger.

Apesar de tudo, o álbum ‘Some Girls’, de 1978, foi remasterizado deverá estar à venda já no próximo mês de novembro.

Mais partilhadas da semana

Subir