Desporto

Ricardo Sá Pinto quer aproveitar “instabilidade” do Besiktas

O treinador Ricardo Sá Pinto disse hoje que o Sporting de Braga vai tentar “tirar partido” da “instabilidade” do Besiktas, que defronta na quinta-feira, na terceira jornada da Liga Europa de futebol.

As duas equipas vão encontrar-se em Istambul, na Turquia, em jogo do grupo K da segunda prova continental, que os minhotos lideram, com quatro pontos, os mesmos que o Slovan Bratislava, enquanto o Besiktas é quarto e último, ainda em ‘branco’.

O treinador dos minhotos considerou “natural” que a equipa turca “esteja pressionada pelos resultados” e admitiu “tirar partido disso”.

“Existe alguma instabilidade, sabemos que há descontentamento e esperamos que isso possa ser útil para nós, porque eles têm zero pontos. Se perderem, muito provavelmente vão ter poucas hipóteses de passar o grupo, existe alguma pressão e esperamos tirar partido disso”, disse o técnico, em conferência de imprensa, citado pelo sítio oficial do clube na Internet.

Sá Pinto considerou que o Besiktas pode ganhar a qualquer equipa, porque “é um adversário muito difícil, que a qualquer momento pode ganhar a qualquer que seja a equipa”.

“Por isso, esperamos um Besiktas forte. O seu plantel é de qualidade, apresenta muitas soluções para as várias posições, grande parte dos seus jogadores são internacionais e, mesmo com uma ou outra baixa, vão ter jogadores à altura, com grande qualidade para este jogo”, disse.

Ricardo Sá Pinto disse ainda que “a equipa está preparada para jogar num ambiente difícil”: “Os adeptos na Turquia são apaixonados, dedicados ao clube, puxam pela equipa o jogo todo, mas estamos preparados mentalmente para isso. Para qualquer jogador é muito mais interessante atuar em ambientes deste nível”, assinalou.

Palhinha alinhou com o treinador, na vontade de ganhar na Turquia.

“A nossa mentalidade é vencer todos os jogos. Vamos ter um desafio muito complicado, como todos até aqui. Foi assim em Inglaterra [Wolverhampton, vitória por 1-0] e em todas as competições. Não há jogos fáceis. Sabemos o adversário que temos pela frente, estamos com máxima ambição e vontade para darmos uma boa resposta”, disse.

O médio, que está emprestado pelo Sporting aos ‘arsenalistas’, disse ainda partilhar do gosto por “jogar com estádios cheios”.

“Preferimos jogar neste tipo de ambientes. É mais motivador, gostamos de jogar com estádios cheios. Temos a perfeita noção de que vamos encontrar um desses ambientes e vamos encará-lo com máxima motivação”, disse.

Fransérgio, Hassan e Claudemir ficaram em Braga devido a problemas físicos.

Sporting de Braga, primeiro classificado, em igualdade com o Slovan Bratislava, ambos com quatro pontos, e Besiktas, último, com zero, defrontam-se às 17:55 de quinta-feira, no estádio Besiktas Park, em Istambul, na terceira jornada do grupo K da Liga Europa.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir