América do Sul

Restaurante cobrou 12 euros por utilização de faca

Analía Jensen é uma cidadã argentina que denunciou nas redes sociais um episódio que viveu num restaurante do centro da cidade de Mar de La Plata, na Argentina, onde lhe cobraram 200 pesos, cerca de 12 euros, pela utilização de uma faca para cortar carne.

O caso aconteceu no passado dia 20 de fevereiro, mas a imprensa argentina só divulgou a história esta quarta-feira.

A mulher foi almoçar a um restaurante no centro de Mar de La Plata e pediu uma “faca que cortasse bem”, pelo que lhe foi disponibilizada de imediato.

No final da refeição pediu a conta e ficou perplexa ao reparar que tinham incluído uma cobrança de 200 pesos pela utilização da faca.

“Chamei a empregada, a quem perguntei a que se referia esta verba e ela, meio a gaguejar e sem grande convicção, disse-me que se referia à face que pedi para cortar o bife”, contou Analía à agência Telam.

Durante uma discussão com os funcionários do restaurante, Analía expressou a sua indignação ao ameaçar levar todos os talheres da mesa para casa, se tivesse de pagar pela utilização da faca.

Os responsáveis do restaurante acabaram por decidir não lhe cobrar os tais 200 pesos, que correspondiam a cerca de 40 por cento do valor total da refeição.

No entanto, Analía não ficou satisfeita e fotografou a fatura, tendo posteriormente divulgado na página de Facebook ‘Banca 25’, que é utilizada pelos habitantes da cidade para situações que são do interesse público.

 

Mais partilhadas da semana

Subir