Economia

PSI20 encerra a ganhar 0,04 por cento impulsionado pelo setor energético

O PSI20, principal índice da bolsa portuguesa, encerrou hoje a ganhar 0,04 por cento para 5.294,32 pontos, em linha com as principais praças europeias, impulsionado pelo setor energético.

Dos 18 títulos cotados no índice, 10 fecharam em alta, um inalterado (Ibersol) e sete em terreno negativo.

Do lados ganhos, a Mota-Engil, EDP Renováveis, EDP, Sonae Capital e NOS subiram mais de 1 por cento na sessão.

A Jerónimo Martins, dona do Pingo Doce, liderou as quedas, ao deslizar 3,59 por cento para 11,83 euros, seguida da Pharol, que recuou 2,74 por cento para 0,1632 euros. A Navigator e a Ramada Investimentos perderam mais de 1 por cento.

Na Europa, a maioria das praças fecharam em terreno positivo, com exceção de Frankfurt (DAX), que recuou 0,42 por cento.

Sensivelmente à mesma hora, os mercados acionistas norte-americanos acompanhavam a tendência europeia e seguiam em terreno positivo.

Em destaque

Subir