Economia

PSA vai comercializar novas carrinhas em Espanha e Portugal

Em comunicado hoje divulgado, a PSA destacou que os veículos serão vendidos “numa centena de países” com objetivo de “consolidar a sua posição [da empresa] como líder de mercado de carrinhas” na Europa, com uma quota superior a 30 por cento.

Nesse sentido, a empresa aumentou em junho a atividade em Vigo reforçando com uma quarta equipa (contratou 900 pessoas) e em Mangualde (225 contratos).

Na fábrica galega, além dos modelos Peugeot e Citroen que já eram produzidos, vão ser também fabricados os carros da marca Opel/Vauxhall.

Os dois centros fizeram “transformações profundas” para acolher a produção dos novos modelos que terão “equipamentos inéditos”, disse a empresa francesa.

Alguns visam aumentar a segurança (ajuda à condução e manobras), conforto (tratamento acústico ou ajuste lombar) ou prático (uma cabine com maior profundidade, de carga superiores).

A PSA foi líder na Europa no grupo de veículos utilitários no ano passado, com uma participação de mercado de mais de 20 por cento. Em todo o mundo, vendeu 658.000 unidades, o que significou um aumento de 16 por cento.

No que diz respeito às carrinhas, a mais vendida na Europa foi o Peugeot Partner, cerca de 78.000 unidades, seguida da Citroen Berlingo com quase 73.000 unidades.

Mais partilhadas da semana

Subir