Mundo

Proíbe marido de dar banho às filhas e é acusada de “sexismo” nas redes sociais

Uma mulher de Queensland, na Austrália, proibiu o marido de dar banho às filhas e decidiu explicar o motivo nas redes sociais. A mulher alega não “se sentir confortável” com um homem a lavar as filhas menores, mesmo sendo o pai das mesmas.

A situação ganhou destaque nas redes sociais devido à explicação da mulher. Segundo esta mãe, o seu marido está proibido de dar banho às filhas por esta não se “sentir confortável” com a presença de um homem junto das pequenas.

“Então o meu parceiro ficou chateado comigo porque disse-lhe que não queria que desse banho às nossas duas filhas. Acredito que as raparigas devem ser lavadas pelas suas mães e os meninos pelos seus pais”, esclareceu a mãe, justificando a sua posição com o facto de cada um ter “diferentes partes íntimas”.

Apesar do desagrado do marido, a posição da mulher mantém-se, já que, segundo ela, “as filhas são a sua prioridade”.

O caso gerou alguma controvérsia nas redes sociais, com vários internautas a acusarem a mãe de criar “sexismos” dentro da sua própria família, fazendo o marido passar por “pedófilo”.

 

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir