Economia

Portugal com terceira quebra mensal na produção industrial em fevereiro

Portugal registou a terceira maior quebra mensal na produção industrial (-2,3 por cento) em fevereiro, acima do recuo registado quer na zona euro (-0,8), quer na União Europeia (UE -0,7 por cento), segundo divulga hoje o Eurostat.

Na comparação homóloga, a produção industrial aumentou 2,9 por cento na zona euro e 3,1 pontos percentuais no conjunto dos 28 Estados-membros da UE.

De acordo com o gabinete oficial de estatísticas da UE, face a janeiro, as maiores baixas registaram-se na Lituânia (-3,9 por cento), na Estónia (-2,7 por cento) em Portugal e Malta (-2,3 cada), tendo o indicador tido os maiores avanços na Letónia, Holanda (3,9 por cento cada) e na Croácia (2,1 por cento).

Face a fevereiro de 2017, a produção industrial registou os maiores crescimentos na Letónia (8,7 por cento), na Polónia (7,5 por cento) e na Eslovénia (7,2), tendo recuado em Malta (-7,7), na Grécia (1,9 por cento) e na Bulgária (1,0).

Em Portugal, o indicador aumentou 1,8 por cento em termos homólogos.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir