Fórmula 1

Portimão pode acolher prova de Fórmula 1 já em 2020

Grandes Prémios de Azerbaijão, Singapura e Japão foram riscados do calendário de Fórmula 1, em virtude da pandemia. Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, está a ser equacionado para integrar o novo calendário.

Portugal poderá voltar a receber uma prova de Fórmula 1, em 2020, depois da sucessão de cancelamentos e adiamentos, em diferentes países, que a pandemia determinou.

O Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, está a ser considerado para integrar o calendário.

Ontem, o diretor desportivo da Fórmula 1, o britânico Ross Brawn, Tinha aventado a possibilidade de circuitos como Imola (Itália), Portimão (Portugal) e Hockenheim (Alemanha) poderem vir a acolher provas do Mundial de Fórmula 1.

De acordo com uma nota da organização, “há novos promotores” interessados e foram feitos avanços nesse sentido.  

“Fizemos progressos significativos com atuais e novos promotores para o calendário revisto. E foi particularmente encorajador o interesse demonstrado pelos novos circuitos em receber a Fórmula 1”, referem os responsáveis pela modalidade rainha do automobilismo.

Nesta sexta-feira foram cancelados mais três Grandes Prémios (Azerbaijão, Singapura e Japão), o que eleva para 13 o número de provas canceladas ou adiadas.

A pandemia determina restrições, mas a organização pretende realizar o campeonato com um mínimo de 15 Grandes Prémios e um máximo de 18, sendo que o plano inicial tinha 22 corridas.

A Europa poderá vir a receber a maioria das corridas, por questões de logística e pelos avanços positivos no combate à covid-19.

0Shares

Em destaque

Subir