Economia

Portagens: Portal ajuda a pagar 200 mil infrações antes das multas

portal das portagens

Para cobrar mais facilmente as portagens não pagas, a Via Verde lançou um portal, em agosto de 2015. Segundo a empresa, já foram resolvidas 200 mil infrações, evitando aos utentes que os processos cheguem à Autoridade Tributária e tenham de pagar multas.

Através do portal, disponível em pagamentodeportagens.pt, todos os condutores que não tenham o equipamento da Via Verde (a estes, as portagens são cobradas através da contra bancária) podem regularizar as dívidas de portagens nas antigas SCUT (sem custos para o utilizador) de forma voluntária.

Sem referir montantes, a diretora do departamento de prevenção e cobrança da Via Verde Portugal, Margarida Cordeiro, adiantou que o portal já ajudou a cobrar 20 por cento das portagens não pagas.

Na mesma conferência de imprensa, Margarida Cordeiro acrescentou que a empresa consegue cobrar 60 por cento de todas as portagens não pagas ao longo do ano.

“O portal é uma solução para quem não tem Via Verde”, salientou a responsável, referindo que o portal abrange as autoestradas concessionadas por Brisa, Autoestradas do Litoral, Autoestradas do Douro, Autoestradas do Atlântico, Infraestruturas de Portugal (a A21 entre Mafra e Ericeira) e as autoestradas Baixo Tejo e Litoral Oeste.

“Esperamos que, antes de meados do ano, haja mais concessionárias a aderir ao portal”, aditou, fazendo escapar que “a Lusoponte está interessadíssima”.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir