Fórmula 1

Pierre Gasly perde três lugares na grelha de partida para o GP do Mónaco

Pierre Gasly não irá largar da quinta posição da grelha de partida para o Grande Prémio do Mónaco de Fórmula 1, apesar de ter conseguido o quinto tempo na derradeira qualificação para a corrida de hoje no Principado.

O francês da Red Bull vai partir do oitavo lugar do ‘grid’ como penalização por ter bloqueado o seu compatriota Romain Grosjean durante a qualificação de sábado.

Gasly, que já tinha sido punido na grelha de partida do Grande Prémio do Azerbaijão, sofre de novo um castigo perdendo lugares na grelha devido à sua atuação na segunda sessão de qualificação, quando prejudicou Grosjean na curva do Casino, quando o piloto da Haas tentava passar à Q3. O que não veio a conseguir.

Segundo os comissários desportivos Grosjean “teve de travar brutalmente para evitar uma colisão com o carro” de Gasly, “que rodava na trajetória durante uma volta de preparação” para nova volta lançada que iria efetuar de seguida.

“Nessa altura o caro # 8 (Grosjean) era claramente o único a efetuar uma volta rápida nessa zona, e embora os comissários tenham aceitado que (Gasly) não tivesse qualquer possibilidade de ver o carro “ 8 no encadeamento das curvas, a equipa reconheceu que não o avisou”, leu-se no comunicado da FIA.

No mesmo documento diz-se que “os comissários decidiram que o carro # 10 bloqueou inutilmente o # 8 e impuseram uma penalização de três lugares e retiraram um ponto à licença” de Gasly, que agora tem menos três pontos na sua licença desportiva.

Mais partilhadas da semana

Subir