Fórmula 1

Pierre Gasly admite que errou no seu acidente nos testes de Barcelona

O último dia de testes de Pierre Gasly em Barcelona ficará na memória do piloto francês da Red Bull por muito tempo, já que sofreu um acidente que colocou um ponto final nos ensaios.

Depois de ter completado 65 voltas Gasly perdeu o controlo do RB15-Honda na curva nove do traçado catalão e embateu violentamente contra as barreiras. E apesar de no centro médio do circuito não lhe ter sido detetado qualquer lesão o piloto da Normandia não ‘ganhou para o susto’.

Pierre Gasly admitiu já que o despiste se deveu a um erro seu, e a dinâmica do acidente não lhe permitiu evitar o mesmo: “Está tudo bem. Estou um pouco pisado. Foi, sem dúvida, um dos maiores acidentes que tive na minha carreira. Não é o ideal terminar assim. Cometi um erro ao abrir demasiado a trajetória à entrada da curva nove. No momento de travar a roda traseira estava em coma de um corretor e o carro saiu de pista. Eu ia a 230 km/h”.

O piloto gaulês refere também: “Mesmo em contra brecagem nada havia a fazer. Perdi o controlo do carro. Houve muitos estragos. A equipa reparou-os. Não é uma boa boa situação mas felizmente eles (equipa) reconstruiram o carro. Vamos concentrar-nos nos testes realizados e reter os aspetos positivos deles. Devemos analisar tudo e trabalhar antes de Melbourne”.

7Shares

Mais partilhadas da semana

Subir