Motores

Penalização custa quinto lugar a Félix da Costa em Londres

FelixDaCostaLondres5

António Félix da Costa esteve à beira de fechar a segunda temporada do campeonato FIA de Fórmula E com um top cinco, na segunda corrida que se disputou este fim-de-semana no traçado urbano de Londres.

O piloto português do Team Aguri realizou uma prova notável, largando apenas do 13.º lugar da grelha e ganharia várias posições até chegar à quinta posição, antes de uma penalização o relegar para o nono lugar.

Naquela que era a última corrida do ano e também a derradeira ao serviço da equipa de Aguri Suzuki, António Félix da Costa mostrou um andamento muito forte desde o começo da prova, conseguindo recuperar muitos lugares até se deter na traseira do ex-piloto de Fórmula 1 Nick Heidfeld. O alemão revelou-se uma barreira intransponível.

Infelizmente uma má gestão da energia por parte da equipa fez o piloto de Cascais uma penalização de 50 segundos que o relegou para a nona posição final.

“É uma penalização dura de aceitar. Estou desapontado com este desfecho. Lutei bastante para recuperar posições e cheguei ao quinto lugar com ultrapassagens no limite. Na última volta disseram-me que podia atacar e usar mais energia, mas infelizmente isso revelou-se uma má opção”, lamentou Félix da Costa após o final.

Em destaque

Subir