Local

Pão dá mote a festival de cultura popular em aldeia da Guarda

A aldeia de Videmonte, no concelho da Guarda, vai receber no fim de semana um festival dedicado ao pão, que dá a possibilidade aos visitantes de participarem na confeção daquele produto gastronómico, foi hoje anunciado.

Segundo a organização, o festival “Pão Nosso – Festa da Natureza” inclui animação de rua, uma rota dos fornos, música, teatro, uma mostra etnográfica, artesanato, uma feira do pão, percursos, oficinas e gastronomia.

O evento que dá destaque ao pão está integrado no ciclo de festivais de cultura popular do município da Guarda.

O festival anual é organizado numa parceria que inclui a Junta de Freguesia de Videmonte, a Câmara Municipal da Guarda e a Associação para o Desenvolvimento Integrado da Rede das Aldeias de Montanha (ADIRAM), com o apoio do Turismo Centro de Portugal e do Aspiring Geopark Estrela.

O destaque do programa vai para a rota dos fornos, a realizar no sábado, entre as 09:00 e as 12:00, com visita a seis fornos da localidade de Videmonte, incluindo o comunitário, onde o visitante “é convidado a assistir e a participar na confeção do pão”, segundo os promotores.

O evento começa na sexta-feira, às 19:00, com a atuação do Grupo de Cavaquinhos do Centro Cultural do Mileu (Guarda), seguindo-se o grupo de Cantares de Videmonte e o Grupo Batuufole.

Para sábado, entre outras iniciativas, está agendada uma Mostra Etnográfica da Ceifa (16:30), teatro pelo grupo do Manigoto (Pinhel), que apresenta o espetáculo “O doido e a morte” (21:30), e a atuação do grupo musical Roncos do Diabo (22:30).

No domingo, haverá uma feira do pão e outra de artesanato, com abertura às 10:30, e o dia será animado com música do Grupo de Bombos do Rancho Folclórico “As Cantarinhas do Telhado” (Fundão), com o Quinteto Reis, com o grupo Beira Brass Band e com o Rancho Folclórico de Videmonte.

A Câmara Municipal da Guarda refere em nota hoje enviada à agência Lusa que durante os três dias do festival “Pão Nosso – Festa da Natureza” haverá várias atividades de animação permanentes e jogos tradicionais (pela Associação de Jogos Tradicionais da Guarda).

O ciclo de festivais de cultura popular do concelho da Guarda pretende ser um motor de divulgação e de promoção do património cultural material e imaterial, efetivo e afetivo, das comunidades envolvidas.

A iniciativa tem também como objetivo ajudar a perpetuar o saber pelas gerações mais novas e “valorizar produtos e tradições singulares e a sua autenticidade”.

Aumentar o potencial de dinamização da base económica e produtiva local e “atrair visitantes da região e do país, dinamizando, assim, a região e a economia local”, são outros dos propósitos.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir