Motores

Os momentos fortes do Rali de Portugal

A edição 2019 do Rali de Portugal deu um importante contributo à emoção no Campeonato do Mundo da especialidade, pois proporcionou a segunda vitória consecutiva de Ott Tanak.

Mas este terceiro êxito da época do estónio da Toyota foi conseguido com algum dramatismo à mistura e envolveu estratégia, pois abdicou do triunfo na ‘power stage’ para não largar na frente na próxima prova do WRC.

Sebastien Ogier foi o mais veloz na especial que dá pontos suplementares e com isso continuou na frente do campeonato, ainda que na prova portuguesa o francês da Citroën tenha sido terceiro a quase um minuto do vencedor.

O drama viveu-se até final, com o abandono de Kris Meeke com a ‘meta à vista’, e isso deu a Thierry Neuville um segundo lugar que contrariou a deceção da Hyundai pelos problemas que afastaram Sebastien Loeb e Dani Sordo dos pontos na prova portuguesa.

Fique com as melhores imagens da prova.

11Shares

Mais partilhadas da semana

Subir