Nas Redes

“Os funerais são tristes”. O obituário feito por menino de 5 anos vitimado pelo cancro

Garrett Michael Matthias morreu aos 5 anos de idade, após nove meses a lutar contra um cancro. O menino escreveu o próprio obituário, porque “os funerais são tristes” e ele preferia ter “cinco insufláveis”.

A morte de Garrett, ou The Great Garret Underpants (em português, algo como O Grande Garret Cuecas), tornou-se viral depois da CNN ter relatado que tinha sido o menino de 5 anos a escrever o próprio obituário.

Fã de Batman, a criança passou “nove meses de inferno até perder a luta contra o cancro”, mas deixou uma vitória que a família nunca esquecerá.

Durante “todo o tempo” dos tratamentos, “nunca perdeu o sentido de humor e adorava brincar com médicos e enfermeiros”.

Para escrever o próprio obituário, The Great Garret Underpants foi respondendo a perguntas que os pais iam fazendo, como se preferia um funeral grande ou mais discreto.

“Os funerais são tristes: Eu quero cinco casas insufláveis (porque eu tenho cinco anos), cones de neve e o Batman”.

Garrett pediu para ser cremado, “como a mamã do Thor quando ela morreu”, já a pensar no que viria a seguir.

“Quero ser transformado numa árvore, para poder morar lá quando for um gorila”.

O menino queria ser um gorila por um motivo muito especial: “Quando morrer, vou ser um gorila para atirar cocó ao papá”.

Um desejo que se tornou em mais um testemunho para a imortalidade do enorme sentido de humor da criança.

O obituário foi divulgado pelos pais, que fizeram questão de o cumprir, realizando um funeral inspirado em super-heróis como o Batman e Thor.

“Isto é ele a falar, são mesmo as palavras dele. Parece que estou a ouvir o Garrett a berrar comigo”, salientou o pai, Ryan Matthias.

4Shares

Mais partilhadas da semana

Subir