PT Animal

Olha o tentaculozinho: Polvo torna-se fotógrafo em três tempos (com vídeo)

O aquário Kelly Tarlton’s Sea Life, na Nova Zelândia, parece um universo paralelo: Há um polvo, chamado Rambo, a tirar fotografias aos humanos. O molusco apenas precisou de três tentativas para aprender a usar uma câmera fotográfica.

Quem visitar o aquário Kelly Tarlton’s Sea Life, na Nova Zelândia, pode sentir uma sensação estranha. Como se fosse o ‘habitante’ do aquário e estivesse a ser visitado por animais…

Isto acontece em especial na sala de Rambo. Rambo é um polvo, mas não é igual aos demais, tem uma habilidade especial.

Mark Vette (um humano) conseguiu ensinar Rambo a tirar fotografias, com uma câmera subaquática. E o molusco só precisou de três tentativas para aprender a usar o aparelho.

“Se eu tivesse um cão que fizesse isto em dez tentativas, ficava muito feliz. Um gato precisaria de 20. Uma pessoa provavelmente 15”, comentou Mark Vette, citado pela estação One News.

Rambo – que, apesar do nome do herói másculo da sétima arte, é do sexo feminino – aprendeu a usar a máquina graças ao estímulo de uma campainha, que tocava sempre que o polvo ‘tentaculava’ o botão do obturador.

Convém também referir que a câmera não era uma qualquer. Afinal, a iniciativa de ensinar a arte da fotografia a um molusco partiu de um gigante da área, a Sony.

Para promover uma máquina à prova de água, a empresa japonesa desenvolveu uma caixa de proteção, em aço, para evitar o polvo destruísse o equipamento.

Agora, quem visita o Kelly Tarlton’s Sea Life pode comprar por dois dólares neozelandeses (cerca de 1,40 euros) uma fotografia de si próprio a olhar para o passarinho, perdão, para o polvozinho Rambo, o fotógrafo.

https://www.youtube.com/watch?v=AmjU2OLgaZo

3Shares

Mais partilhadas da semana

Subir