Nas Notícias

O que é o 112 e para que serve?

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) emitiu um comunicado a explicar que não gere o número 112, apresentando-o como um serviço distinto. Mas, afinal, para que serve o número?

No território europeu, há um número comum, para que um português noutro país ou um estrangeiro (proveniente da Europa) em Portugal saiba para onde ligar em caso de necessidade premente.

O 112 é o Número Europeu de Emergência, sendo comum, para além da saúde, a outras situações tais como incêndios, assaltos ou roubos, salienta o INEM.

Quem se encontra no ‘lado de lá’ da linha são as forças de segurança, PSP e GNR.

Quando é necessário pedir socorro (como chamar uma ambulância) ou uma situação às autoridades (como um acidente de viação grave, um prédio em chamas ou uma casa a ser arrombada), há um só número – 112 – em todo o território europeu.

Só quando as situações reportadas exigem uma resposta médica é que as chamadas são encaminhadas do 112 para os Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do INEM.

Os mais antigos talvez ainda se recordem que o número nem sempre foi o 112.

Antes do lançamento do Número Único de Emergência Europeu, pela Comissão Europeia, em 1997, em Portugal usava-se como número de emergência o 117, que agora serve para reportar incêndios.

Mais partilhadas da semana

Subir